Compositor/Violonista – Composer/Classical Guitarist

Posts com tag “composition

1˚ Concerto de Lançamento do Cd Quebra o Coco de Andreia Lira e o que Eu Tenho Com Isso.

Prezados (english below)

Esta semana, no dia 08.10.2015, estarei participando do concerto de lançamento do Cd Quebra o coco da cantora carioca radicada em Juiz de Fora, Andreia Lira. Ainda que modesta, minha participação se deu de três formas:

1) Direção Musical: título talvez pareça mais do que é, mas basicamente foi ser um “ouvido externo” ao já consistente trabalho dela, Andreia Lira, com o pianista Marcos Lopes e com a percussionista Flávia Lima.

2) Composição: Escrevi uma canção especialmente para o Cd , intitulada “Por que sou forte“. O texto é da poetisa brasileira da segunda metade do século XIX, Narcisa Amália cuja a pouca fama mesmo no mundo “letrado” só se explica pelo machismo estrutural em cada recanto deste país.

3) violonista: essa é a mais diminuta das participações. O Cd é inteiro de voz e piano, com algumas faixas incluindo percussão. A exceção está exatamente na minha peça feita para violão e voz a pedido da própria cantora.

Fica meu agradecimento à Andreia Lira pela confiança e os parabéns pelo ótimo resultado do Cd que estará disponível para venda diretamente com ela, em algunas lojas físicas em Juiz de Fora, Belo Horizonte e Rio de Janeiro e no Itunes, Amazon, Spotify etc. (Também terei alguns exemplares disponíveis)

Dear friends,

This week, on Oct 8th 2015, I will be part in the release concert of the Cd Quebra o coco by the brazilian singer Andreia Lira. Althought very smal, my participation was basically in three spheres:

  1. Musical Direction: It may sound pretentious but my role there was to be a sort of “external ear” to the already consistent work of Andreia and pianist Marco Lopes and also the percussionist Flávia Lima.
  2. Composition: I wrote a song specially for the Cd named “Por que sou forte” (Why am I strong) after the poem by a nineteenth century poet, Narcisa Amália, a pioneer as female poet and journalist.
  3. Guitarist: a minor role since the cd is entirely for voice and piano, with some track with percussion, being my song the exception.

I wish to thanks to Andreia for the invitation and confidence as well as greeting her for the great musical result the album reached. The album is already available in its physical format in some stores in Juiz de Fora, Rio de Janeiro and Belo Horizonte and also is available on Itunes, Amazon and other virtual stores.

flyer lançamento Quebra o coco

Serviço
1˚ Show de Lançamento – Cd Quebra o Coco – Andreia Lira
Data: 08/10/2015 – 20h
Local: Sociedade Filarmônica de Juiz de Fora
R. Oscár Vidal, 134 – Centro, Juiz de Fora – MG Fone: (32) 3218-1020
Entrada: R$1
Músicos: Andreia Lira, voz, Marcos Lopes, piano, Flávia Lima, percussão
Part. Especial: Jorge L. Santos, violão

Teaser do CD: https://youtu.be/qLa6YjxQ2rU

Repertório do CD

1- Quebra o Coco (Camargo Guarnieri) 2- Vamos dar a despedida (Camargo Guarnieri) 3- Não se impressione (Chiquinha Gonzaga) 4- Lua Branca (Chiquinha Gonzaga) 5- Coração Triste (Alberto Nepomuceno) 6- Trovas (Alberto Nepomuceno) 7- Taieras (Luciano Gallet) 8- Cantiga da Mutuca (Camargo Guarnieri) 9) Por que sou forte (Jorge L. Santos) 10)Uirapuru (Waldemar Henrique) 11- O Canto de Iracema (Leandro Renò) 12- Melodia Sentimental (Heitor Villa-Lobos) 13- Canção do Mar (Lorenzo Fernandez) 14-Dona Janaína (Francisco Mignone)


Cd Quebra o Coco – Andreia Lira (cantora) – Teaser

Prezados,

Abaixo o primeiro teaser do Cd Quebra o côco da cantora Andreia Lira, de Juiz de Fora. Tive a oportunidade de contribuir com este album de três pequenas formas. A primeira com uma composição original, a canção para canto e violão Por que sou forte, a segunda tocando violão nesta faixa e a terceira fazendo uma modesta direção musical de todo o álbum. O Cd é composto exclusivamente de música brasileira, desde o século XIX, com Alberto Nepomuceno, passando pelos principais nacionalistas como Villa-Lobos, Mignone e Guarnieiri e ainda contem duas composições inéditas de feitas para o cd. O álbum terá seu lançamento em outubro e também estará disponível em formato digital no Itunes e outras plataformas.

Em breve, postarei mais novidades sobre esse trabalho.


Video: Almada N˚2 para Quarteto de Cordas – Recital de Mestrado (UFRJ)

À conta-gotas, segue mais um vídeo do meu recital de Mestrado em Composição na UFRJ realizado em setembro de 2014. Agora um quarteto de cordas. Abaixo descrevo brevemente a obra:
Almada Nº 2 (para quarteto de cordas) é uma forma-sonata composta a partir do sistema-Gr (de Grundgestalt) – desenvolvido  pelo compositor e pesquisador Carlos Almada (UFRJ) – no qual a partir de um excerto musical qualquer é extraído todo o material melódico, harmônico e rítmico que será utilizado na peça, e desenvolvido por “variações progressivas”.  O motivo gerador do material foi extraído do tema do Minueto da Suíte para Piano op.25, de A. Schoenberg.  O parâmetro textura é utilizado como elemento delineador da forma.
 
Almada N.2 (for string quartet) was written using the GR-System (Gr- Grundgestalt) – developed by the composer and researcher Carlos Almada. The main idea is to extract from a 4 notes-motif all the materials of the piece through a progressive variation using a software developed for that purpose. The 4 notes-motif used (as grundegestalt) here was extract from the Minuet of the Piano Suite op. 24 by Schoenberg. 

Audio da estreia de Partículas Elementares (flauta e violão)

Audio da minha peça “Partículas Elementares” para flauta e violão estreada no recital de dezembro 2013 da série Prismas Musicais.
A peça é construída a partir de algumas poucas “notas” extraídas de uma fala repetitiva em que um morador de rua, nos arredores da minha casa, repetia em crescente enervação:

“pega essa porra…. pega essa porra… pega essa porra porra” (Ou algo semelhante)

O ritmo insistente, ainda que falado, sem um métrica precisa, ficou por longo tempo na minha cabeça, e ocasionalmente revinha, como algo curioso e engraçado..

Todo material ritmico e harmônico é construído a partir dessas poucas notas enunciadas logo no início da música.

Violão, Bruno Ferrão e Flauta, Felipe Marateo